Inferno

Inferno – Capa

O novo livro de Dan Brown, Inferno, é a continuação das aventuras do professor Robert Langdon. Novamente o famoso professor de simbologia de Harvard vai correr para salvar o mundo de outra ameaça iminente.

Fórmula

Os livros do Dan Brown são muito interessantes e, claro, Código da Vinci é o grande título que o lançou ao estrelato. A fórmula é a mesma. O livro começa com um crime, tem cenas rápidas, cortes que instigam o leitor a continuar lendo sem parar, mistura a genialidade de grandes nomes da história, polêmicas com a igreja católica e curiosidades da simbologia.

Os capítulos são rápidos, como um roteiro de filme de ação. Não há o mesmo nível de detalhe de outros livros, talvez porque esse modelo já esteja desgastado. Já não prende mais a atenção como nos outros títulos. Li o Código da Vinci no mesmo dia que chegou (comprei na internet). Virei a noite lendo, porque não conseguia parar. A fluidez do livro é impressionante. Terminei a leitura de madrugada, cansado mas satisfeito.

Resenha de Inferno

O Inferno se passa entre Florença, Veneza e Istambul e faz menção a grandes mestres como Dante Alighieri e sua Divina Comédia, além do Botticelli. Dessa vez, Langdon deve salvar o mundo de uma vírus mortal que foi desenvolvido para diminuir a quantidade de pessoas no mundo, resolvendo o problema da superpopulação. As questões éticas se desenvolvem em torno desse tema. Para resolver o problema da superpopulação que pode destruir o planeta, a solução proposta por um cientista seria matar alguns bilhões de pessoas.

Este foi o primeiro livro que comprei e li no Kindle. Não por esse motivo, foi o livro do Dan Brown que mais demorei a ler, porque realmente não é o melhor trabalho do autor. Depois de terminar a leitura, ficou a impressão de um livro escrito às pressas. A fórmula de sucesso está presente, todos os elementos de um grande blockbuster estão ali, mas não tem o mesmo cuidado com os detalhes que nos outros livros faz o leitor se sentir presente nas cenas.

Paraíso

Paraíso – Inferno de Dante

Conclusão

Inferno segue a mesma fórmula dos demais títulos de Dan Brown, mas não é tão bom quanto os anteriores. Vale a pena ser lido sem pressa, nas férias ou se não houver nenhum outro livro mais interessante na prateleira.

Garante um bom nível de diversão principalmente por causa das curiosidades e polêmicas, mas o enredo não está escrito com o mesmo cuidado de antes. O melhor livro continua sendo O Código da Vinci, que é o leitor de primeira viagem deveria começar.

Lista de livros – Dan Brown

  • Fortaleza Digital
  • Ponto de Impacto
  • Anjos e Demônios
  • O Código Da Vinci
  • O Símbolo Perdido
  • Inferno

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>